Pedidos de isenções do Enem 2020 começam nesta segunda-feira

Quer fazer o Enem 2020 de graça? Não sabe se você tem direito? Neste artigo vamos ensinar como solicitar a isenção do Enem 2020 – Exame Nacional do Ensino Médio. Além disso, vamos apresentar o cronograma do exame e todos os estudantes que atendem ao requisito de isenção.

Nesta segunda-feira, dia 06, começa o prazo para solicitar isenção do Enem 2020, onde o término ocorrerá no dia 17. Certamente passando deste prazo o estudante deverá efetuar o pagamento da taxa de inscrição. Além disso, nesta segunda-feira também abre o prazo para justificativa de ausência no Enem 2019.

O Enem é certamente o exame mais aguardado do Brasil, pois é através dele que estudantes conseguem ingressar no ensino superior. Isto é possível devido aos programas educacionais do Ministério da Educação como o Sisu, Prouni ou Fies.

Quem pode solicitar isenção do Enem 2020?

Imagem Isenção do Enem 2020Conforme o edital do Enem 2020, tanto digital quanto impresso, só terão direito ao pedido de isenção os seguintes estudantes:

  • Estejam cursando a última série do ensino médio no ano de 2020, em qualquer modalidade de ensino, em escola da rede pública. Além disso, deverá a escola deverá estar declarada no Censo da Educação Básica;
  • Tenha cursado todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada. Contudo, o estudante serão aceitos aqueles com renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio, conforme art. 1º, incisos I e II, da Lei nº 12.799;
  • Declare estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica, por ser membro de família de baixa renda, certamente respeitando os termos do art. 4º do Decreto nº 6.135. O participante deverá estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Serão aceitos aqueles com renda familiar per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.

O participante que esteja com o cadastro do CadÚnico em dia deverá informar apenas o Número de Identificação Social (NIS) único e válido. Assim, o sistema automaticamente irá identificar que o candidato está solicitando isenção por se identificar em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Antes de mais nada, vale lembrar que eventualmente esteja mentindo, o candidato será eliminado e poderá responder processo, sob pena de responder por crime contra a fé pública.

Antes de mais nada, os dados pessoais informados no CadÚnico devem ser iguais aos dados cadastrados na Receita Federal. Caso contrário, a solicitação da isenção da taxa de inscrição para o Enem 2020 poderá ser negada. Assim sendo, antes de efetuar o pedido, é importante verificar a correspondência dessas informações pessoais e, se for o caso, atualizá-las.

Onde deve ser feita a solicitação de isenção do Enem 2020?

Imagem Guia do Participante do Enem 2020 CompletoVisto que atende aos requisitos de isenção do Enem 2020, os estudantes deverão acessar o endereço eletrônico https://enem.inep.gov.br ou pelo aplicativo “ENEM”, disponível para Android e IOS. Para fazer a solicitação os estudantes deverão ter em mãos:

  • Número do CPF – Cadastro de Pessoa Física;
  • Identidade – RG (Registro Geral);
  • E-mail. Conforme o edital, só poderá ser apresentado em um cadastro;
  • Número do NIS – Número de Identificação Social, estudantes que vão solicitar através do CadÚnico.

Ao acessar o endereço eletrônico ou no aplicativo, o primeiro passo será informar o número do Cadastro de Pessoa Física e data de nascimento. Assim abrirá a janela de solicitação, o estudante deverá preencher algumas informações como endereço, dados pessoais, nome da mãe e por fim um questionário socioeconômico.

O resultado do pedido de isenção sairá no dia 24 de abril. Eventualmente tenha o pedido negado, os recursos deverão ser apresentados do dia 27 de abril a 1 de maio.

Os resultados dos recursos serão disponibilizados no dia 7 de maio. Caso tenha o recurso negado, o estudante terá que efetuar o pagamento da taxa de inscrição do Enem 2020.

A taxa de inscrição poderá ser paga em qualquer agência bancária, agências dos correios e casas lotéricas. Conforme o edital, o valor será de R$85,00 seja digital ou regular.

Veja o cronograma completo do Enem 2020

  • Edital do Enem: Digital e Impresso, clique e veja;
  • Isenção e justificativa de ausência: 6 a 17 de abril;
    • Resultado: 24 de abril;
    • Recurso: 27 de abril a 1 de maio;
      • Resultado: 7 de maio;
  • Inscrições do Enem 2020: 11 a 22 de maio;
  • Solicitação do atendimento especializado: 11 a 22 de maio
    •  Resultado: 29 de maio;
    • Recurso: 1 a 5 de junho;
      • Resultado: 10 de junho;
  • Nome social: 25 a 29 de maio;
    • Resultado: 5 de junho;
    • Recurso: 8 a 12 de junho;
      • Resultado: 18 de junho;
  • Taxa de inscrição: 11 a 28 de maio;
  • Provas:
    • Digital: 11 e 18 de outubro;
      • Gabarito: 21 de outubro;
    • Impresso: 1 e 8 de novembro;
      • Gabarito: 11 de novembro.

O Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, ainda vão informar as datas dos cartões de confirmações de inscrições e resultado do Enem 2020.

Antes de mais nada, curta e compartilhe a página do Facebook Enem 2020 ou o Instagram Guia do Enem. Como as provas serão aplicadas em outubro e novembro, ainda dá tempo para se preparar, além disso você pode estudar em casa ainda, quer saber como é possível? Basta adquirir agora a sua apostila digital e começar os seus estudos.

4 comentários em “Pedidos de isenções do Enem 2020 começam nesta segunda-feira”

Deixe um comentário